Never give up

abril 21, 2013 em Bloody Monday, Kenichi, Lançamentos, Zetman

Ciaossu!

Eu sei que vocês sentiram saudades de mim, seus depravados. A bem da verdade, eu tenho mais coisa pra postar, mas meus ombros já não aguentam mais fazer QC… Metal Heart, Seto no hanayome, Open Sesame e Zetman ficam para a próxima.

Agradecimentos ao Senick (editor de Kenichi), ao HevertonGM (editor de Zetman), ao Neivas (editor de Bloody) e a mim (que fiz todo o resto).

Ah, ainda não estou confiante para fazer upload no leitor online, então por enquanto podem fazer downloads. Isso incluem vocês, pessoal de leitores online que colhem os louros com o nosso trabalho. Amamos vocês, de coração, pessoal. Até compro uma passagem, com destino à puta que os paiu. Viagem só de ida, é verdade, mas vejam o valor nisso, seus ingratos.

Precisamos de editores, putada. Sem editores, os tradutores param e nada de coisa para vocês lerem, então mexam essa bunda inútil  façam algo que preste: Tornem-se nossos escravos! Interessados? Enviem um email para o enviado de Odin na terra: reborn.bms@gmail.com.

 

Volume 01 [Completo]

File 09: Um destino amarrado por correntes

File 10: A determinação do Falcon

 

Batalha 515: O caminho do mal

Batalha 516: O significado de praticar artes marciais

Batalha 517: Trinta segundos de ataque e defesa

Batalha 518: Os limites do risco de vida

Batalha 519: Os resultados das outras lutas

 

Capítulo 91: Medo

Capítulo 92: Reféns

Volume 08 [Completo]

Capítulo 93: Abertura

Capítulo 94: Iniciativa

Capítulo 95: O Terceiro

Caras da EMD, por obséquio, entrem em contato se ainda querem as páginas de Kenichi sem marca d’água. E, tanto vocês (Thrilles) quanto os caras do AFS (Sky, é contigo mesmo que tô falando), me devem o merchan dessa vez… Vamos trabalhar, pessoal. Somos pagos pelos frequentadores dos nossos sites para tal, huh? Os capítulos “poluídos” serão reupados na medida do possível. Preciso lembrá-los que não avisaremos quando isso acontecer? E que o mesmo vale para os volumes? Espero que não. Bom, acho que por hoje já está bom, não é, humanos? Fiquem com um pouco de George MØTHÊRFÙÇKÍNG Benson e até a próxima!


Ciao ciao!

 

Se o Toad quer competir com gifs aleatórios…

março 20, 2013 em Kenichi, Lançamentos, The Breaker New Waves

Ciaossu!

Estou com sono, cansado e com fome. Dane-se você e o que pensa. Vamos ao que interessa!

Agradecimentos ao Senick, pela edição de Kenichi e The Breaker, à Jade, pela revisão de The Breaker, ao Dankley, pela tradução de The Breaker, e a mim, pela tradução/revisão de Kenichi. Ler o resto deste post →

Eu não sei o que vem por aí…

março 14, 2013 em Kenichi, Lançamentos, To Aru Kagaku no Chondenjibou

Ciaossu!

A repercussão do uso das marcas d’água tomou um rumo interessante. Há pessoas, de sites de repostagem, me enviando emails, solicitando o uso no nosso material no site deles… E eu, que havia perdido a esperança em sites brasileiros, me surpreendi com tamanha educação, simplicidade e honestidade. Chegou até a me doer negar os pedidos, uma vez que as condições que exigimos não foram aceitas… Mas a vida segue, não é verdade?

Ressalto que os comentários foram bloqueados no post abaixo puramente por um motivo: Havia achismo e argumentum ad hominem demais. Nenhuma discussão vai para frente quando há crianças envolvidas (e quem discorda está livre para discorrer nos comentários, se desejar). Na tentativa de evitar uma chuva de merda ainda maior, bloqueei os comentários. Curiosamente, há pessoas dizendo que censuramos os leitores. É verdade? Ora, vejam só, nenhum comentário foi deletado, seja ele ofensivo ou não. Criançada, por favor, esforcem-se mais (e digo o mesmo quanto as mentiras que andam proferindo por aí).

Agora voltemos a programação normal. Agradecimentos ao Darkavenger (editor e quality checker de Railgun), ao Luke (tradutor de Railgun), ao Senick (editor de Kenichi) e a mim. Ler o resto deste post →

IT’S HAPPENING!

março 10, 2013 em Bloody Monday, Kanojo wa Kannou Shousetuka, Kenichi, Lançamentos, Shinobi Life

Ciaossu!

Bom, a demora nas postagens possui uma justificativa. E, pela primeira vez na história deste scan, sinto que é necessário explicar tudo. Ok, este post será longo, e peço encarecidamente que você, seu bunda mole idiota, leia até o fim.

Como não devem saber, eu sou a pessoa responsável pela “liberação” de postagem do nosso material em outros sites. Devo confessar que, desde 2010, pouquíssimas foram as vezes que dei tal permissão. O motivo, caro leitor, é que em quase 100% das vezes, o dono do site que faz repostagem apenas pega nosso material, muitas vezes renomeia os arquivos e em alguns casos até diz ter feito algo, como foi o caso do Meikai que inseriu uma “2º revisão” em nossos projetos. Tá, isso é coisa do passado, e discutir sobre o caso Meikai não é o foco agora.

Desde que o Senick (editor de Kenichi) entrou no scan, ele tem buscado sites que fazem essa repostagem de nosso material de forma indevida. Não preciso dizer que tais sites apenas fazem isso para agarrinhar visitas. Poucos sequer citam que fazem uso de nosso material. Em alguns sites, por sinal, as postagens são escritas como se eles produzissem a tradução, edição e revisão. Sempre que o Senick encontrava um site, ele me relatava e lá ia eu tentar solicitar a remoção do nosso material, afinal, se a pessoa já começa errada, é do meu feitio não dar a oportunidade. Quem me enviou email, solicitando a postagem e aceitando nossos termos, teve a liberação. Quem não enviou nenhuma solicitação (e, por conseguinte, não aceitou nossos termos) não merece um aceite. Também faço isso em respeito a todos que aceitaram os termos e por uma simples questão de ética.

Um fato curioso veio aos meus ouvidos no mês passado. Todos aqui devem conhecer o mangaPROJECT, correto? Os mais antigos nessa coisa de baixar anime e ler mangá certamente já circularam por sites da PROJECT. Pois bem, não tinha nada contra eles, mas agora tenho. Na verdade, todo o BMScan tem. O mangaPROJECT possui praticamente um backup dos projetos deste scan. E nunca me foi enviada uma solicitação para isto. Acontece que sempre negamos solicitação para leitores online de mangás porque há uma ideia antiga (do Rill) de termos um leitor online próprio. Por isto, negamos esses casos. Dito isto, fui até o site do mangaPROJECT e solicitei a remoção do nosso material. Muitos aqui acreditam que eu sou um grosso, um ignorante, um arrogante e todo e pior tipo repulsivo de homem, correto? Pois bem, abaixo segue o email que enviei para o site citado:

“Assunto: Pedido de remoção [Grupo] – Remoção de projetos
Mensagem: Venho, por meio deste, solicitar a remoção de todo e qualquer material produzido pelo BMScan. Estou com a responsabilidade de negociar a disponibilidade do que lançamos, em outros sites, desde 2010, e confesso que nunca me foi solicitado algo por parte de vosso corpo de membros.

Frente a isto, apenas posso entender que fizeram isto sem nosso consentimento e aprovação. Independente do prestígio ou fama que o site possua, agirei como ajo com todo e qualquer grupo que procede de forma indevida: Solicitando a remoção do material.

Espero que, quem quer que esteja lendo isto, seja maduro o suficiente para entender que o que foi feito foi errado e que acate o pedido deste humilde membro e administrador do scan.

Grato.”

Infelizmente não tenho a data de envio, mas creio que isso não seja relevante. Contudo, lembro-me ter enviado o email nos meados do carnaval deste ano. Duas semanas depois, recebo uma resposta. Segue ela abaixo:

“A remoção do material é feita somente quando os detentores dos direitos autorais das séries o fazem. Caso possua os direitos de licença de qualquer uma das séries no Brasil, removeremos de imediato.

Atenciosamente.

Administração mangasPROJECT.”

Ok. Por mais idiota que você seja, leitor, você SABE que não somos detentores de direitos autorais de nenhum título que lançamos. Nenhum scan é detendor. NENHUM! Nem mesmo os scans gringos. Nem mesmo nenhum scan brasileiro. Quem é visitante velho neste scan sabe que eu costumo dizer que FAZEMOS UM SERVIÇO ILEGAL AQUI. Ninguém no scan é tolo ao ponto de achar que não. Então, por que fazemos? Alguns fazem por vontade de servir os leitores. Outros o fazem para fins de divulgação de títulos. Eu o faço porque aprendo muito traduzindo e porque gosto de ver algo bem feito. Apenas isso. Contamos com o respeito de qualquer um que transite por aqui, beneficiado com o que fazemos ou não, para que entendam que, mesmo fazendo algo ilegal, cada um tem seus motivos e NUNCA foi nosso desejo ganhar dinheiro com isto.

Se você foi, no mínimo, sagaz, se fará a seguinte pergunta: “Oras, os caras do mangaPROJECT tem razão? Então eles tem direitos de licença para postar por lá? Devem ter…”. Não, não o tem. A falácia na resposta deles é imensurável. E digo mais: diferentemente de nós, que suamos e lançamos os projetos aqui, sem faturar um único centavo, eles lucram em cima de visitas no site deles. Nunca se perguntaram porque há tantos leitores online? Ora, porque as visitas rendem dinheiro a eles. Ao acessar esse tipo de site, seu filho da puta, você caga em si mesmo e caga no esforço de pessoas como nós. Vão continuar apoiando gente assim? Vagabundos que vivem em função de gente desinformada? ESSA É A CARA DO “MUNDO OTAKU”. ESSA É A CARA DO “OTAKU BRASILEIRO”. Como podem ter tanto orgulho em se enquadrar em um termo que, originalmente, é um xingamento!? Iluminai vossa mente, leitor. Você é tolo por não buscar conhecimento, e é ainda mais tolo por permanecer sem ele.

Se está interessado na resposta que enviei para eles, segue aqui:

“Venho, por meio deste, agradecer a falta de compreensão de vosso corpo pela resposta abaixo, dada a um email enviado previamente.

Não há muito o que ser dito. Mas seria melhor se tivessem respondido “eu removo se eu quiser”. Entenda que a falácia nessa resposta é enorme. Por que precisa de autorização e comprovação de direitos autorais para remover o material de vosso site, se vocês sequer possuem a mesma para disponibizilá-los aqui? Como não adianta argumentar com gente que pensa assim, prefiro dar o caso como encerrado, afinal, o que posso fazer quanto a isso, não é?

De uma forma ou de outra, agradeço a resposta. Tenha um bom dia.”

Não tenho motivos para argumentar com portas. É perda de tempo, e não há nada que eu mais odeie (nem os leechers) do que perder meu tempo. Frente a atual situação, e a alguns problemas internos do scan, venho deixar claro como será o futuro do scan.

1. Vamos parar de ser idiotas e tentar lucrar algo com o site. Como? Já devem ter notado as propagandas, correto? E para que será usado esse dinheiro? Ressarcir pessoas que tiraram do próprio bolso para manter o site de pé durante todos esses anos. Em especial, o XyDahn, ex-membro do scan. Só para terem ideia, ele custeou o servidor do site durante meses, mesmo estando FORA do scan. Um exemplo e tanto, huh? Ele certamente será o primeiro a ser ressarcido. Uma vez que todo o prejuízo deixado pelo site, aos membros do scan, seja sanado, o dinheiro arrecadado será guardado para pagar o servidor do site, e eventualmente do futuro leitor online, bem como para coisas extras.

2. “Que coisas extras serão essas, Reborn?” Essa ideia, originalmente, foi do Rill. Compra de raw de mangás, visando lançamentos com melhor qualidade. Isso é possível,  e pode ser feito. Há também outras ideias, mas elas ainda precisam ser maturadas. Contudo, pode ser de seu interesse, leitor. Não se preocupe, mais detalhes serão dados futuramente.

3. Note que não falei que o dinheiro arrecadado será usado para uso pessoal. Não será. Nenhum mísero centavo será usado para ganho pessoal. Todo o dinheiro será do SITE e será usado em prol dele. E não, não pediremos doação. Apenas cliques e acessos, coisa que vocês já fazem. Se não o fazem, pense em nos ajudar: Cliquem e nos ajudem.

Dito isto, há outra coisa MUITO importante a ser dita. Doravante, os capítulos postados apresentarão uma marca d’água. Vocês podem não gostar disso, mas isso não importa muito. Em um ato de protesto, só lançaremos capítulos com essa marca d’água, feita com muito carinho. Interessado em baixar o capítulo sem a marca? Aguarde 15 dias após a postagem e baixe o link na página dos projetos. Tentaremos manter os links atualizados após este tempo. Não haverá repostagem, então fique atento. A culpa pelo uso de tal artifício não é sua, sabemos muito bem disso. Mas é algo que você terá de arcar, infelizmente. Medidas que impeçam que essa gente retorne e faça uso das versões sem marca d’água serão tomadas, não se preocupem.

Dito isto, venho trazer os lançamentos de hoje. Como de costume, agradecimentos a mim, que faço quase tudo (em Bloody, Kenichi e Kanojo), ao Senick (editor de Kenichi), a Nayara (editora de Shinobi Life), ao Frank (tradutor de Shinobi Life), ao Hermes (tradutor de Freezing), ao ZIM (editor de Freezing), ao Harada (revisor de Freezing), ao Neivas (editor de Bloody), ao Garoto (editor de Kanojo wa Kannou Shousetsuka) e ao Portuga, pela confecção e otimização do uso da marca d’água. Divirtam-se. Ler o resto deste post →